Veja o significado das cores da coleta seletiva


Imperdível! Veja o significado das cores da coleta seletiva.

Desde já, separamos este artigo especialmente para você se inspirar e absorver mais conhecimento. 😉

Veja o significado das cores da coleta seletiva

Sobretudo, as cores das lixeiras de coleta seletiva são uma ferramenta importante para a melhor destinação dos resíduos.

Ainda mais quando se trata de lixo… vale a pena enfatizar: a palavra “lixo” é um pouco antiquada.

Bem como, resíduos ou rejeitos fazem mais sentido:

Além disso, resíduos são todas as coisas que podem ser reutilizadas, bem como, materiais recicláveis ​​e alguns materiais orgânicos que podem ser compostados.

Rejeitos é um material que não pode ser reaproveitado e vai para aterro.

Afinal, qual o significado das cores da coleta seletiva?

Por exemplo, em algumas cidades, a coleta seletiva é realizada entre itens úmidos e secos ou entre recicláveis ​​e orgânicos.

Quando o material reciclável é coletado e chega à cooperativa, em seguida ele é separado e reaproveitado.

Porém, muitos locais, como locais públicos, comércios e apartamentos, possuem caixas de coleta seletiva, do mesmo modo, aceitam itens recicláveis ​​separados pelos consumidores com antecedência.

Portanto, o usuário deve armazenar o resíduo na caixa de cor correspondente.

Porém, em algumas cidades, a prefeitura não oferece serviço de coleta seletiva, mas você ainda pode reciclar!

Em seguida, confira as cinco primeiras etapas para começar a reciclar.

Você sabia que de acordo com a resolução da Comissão Nacional do Meio Ambiente, existem dez cores de lixeiras para cada tipo de lixo?

AZUL: papel/papelão;

VERMELHO: plástico;

VERDE: vidro;

AMARELO: metal;

PRETO: madeira;

LARANJA: resíduos perigosos (como pilhas e baterias);

BRANCO: resíduos de hospitais e serviço de saúde;

ROXO: lixo radioativo;

MARROM: lixo orgânico;

CINZA: lixo não reciclável, contaminado ou cuja separação não é possível.

Assim como, as latas de lixos mais comuns são de papel, plástico, vidro e metal.

Então, descubra quais itens podem ser colocados em cada item e veja dicas que facilitam o trabalho do reciclador:

Veja o significado das cores da coleta seletiva

Veja-o-significado-das-cores-da-coleta-seletiva

Papel e papelão (Azul)

Itens: jornais, revistas, impressos em geral; caixas de papelão e embalagens longa-vida.

Plástico (Vermelho)

Itens: garrafas, embalagens de produtos de limpeza; potes de cremes e xampus; tubos e canos; brinquedos; sacos, sacolas e saquinhos de leite e papéis plastificados, metalizados ou parafinados, como embalagens de biscoito.

Dicas: lave-os com água de reúso para que não sobrem restos dos produtos, principalmente no caso de detergentes e xampus, que podem dificultar a triagem e o aproveitamento do material. No entanto, no caso de embalagens com tampas, retire-as.

Vidro (Verde)

Itens: frascos, garrafas e vidros de conserva.

Dicas: lave-os com água de reúso e retire as tampas.

Metal (Amarelo)

Itens: latinhas de cerveja, refrigerante e sucos; esquadrias e molduras de quadros.

Dicas: latas devem ser amassadas ou prensadas para facilitar o armazenamento.

As cores coletadas seletivamente são ferramentas importantes porque permitem a separação dos resíduos, o que facilita a reciclagem ou o descarte adequado de itens não recicláveis.

Fonte: www.msn.com

Portanto, curta, comente e compartilhe nosso conteúdo!

Vai mais um pouco de curiosidade aí? 😉

Veja também:

>>> Menino autista usa peças de Lego para construir a maior réplica do Titanic do mundo

>>> Apenas pessoas com um QI superior a 120 irão observar mais de 6 animais

>>> Acelerar áudio encaminhado deve ser a próxima atualização do WhatsApp

Quantas estrelas ⭐⭐⭐⭐⭐ este artigo merece?