O que é a Síndrome de Havana?


O que é a Síndrome de Havana

Esse artigo “O que é a Síndrome de Havana?” é feito perfeitamente para você que, antes de mais nada, busca informação sempre com qualidade e em primeiro lugar.

Segundo a mídia americana, no verão passado, três diplomatas adoeceram na cidade suíça e um na capital francesa. No total, cerca de 200 pessoas foram acometidas pela doença nos últimos cinco anos.

O Secretário de Estado Antony Blinken diz que o governo dos EUA está trabalhando para resolver o mistério. “Neste momento, não sabemos exatamente o que aconteceu e não sabemos exatamente quem é o responsável”, disse ele à MSNBC.

Outros países apontados com casos da síndrome de Havana são: o Vietnã e a Colômbia, além da Embaixada dos EUA em Bogotá.

Entenda

A síndrome de Havana apareceu pela primeira vez em 2016 em Cuba. Naquela época, vários casos foram detectados entre diplomatas americanos e canadenses e familiares em Havana. Os principais sintomas são sonolência, fadiga, enxaquecas e problemas de audição e visão. Em casos graves, as pessoas perderam permanentemente a audição.

Acredita-se que os sintomas da síndrome de Havana surgem repentinamente. Um exemplo é uma pessoa designada para Moscou em 2017, que se sentiu sonolenta enquanto estava deitada na cama à noite. Por causa do enjoo, acredita-se que seja uma intoxicação alimentar, mas depois, devido à tontura, acabou caindo ao tentar ir ao banheiro.
Uma das teorias foi apresentada por especialistas da Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos em 2020. Para eles, a suspeita é que a doença seja causada pela exposição direta à radiação de micro-ondas. No entanto, eles não indicam a fonte de energia.

Para outros pesquisadores, as armas de microondas são usadas especificamente contra diplomatas, agentes do Serviço Secreto e suas famílias. Para os especialistas, essa explicação é mais provável do que as encontradas anteriormente, como doenças tropicais, uso de agrotóxicos ou problemas psicológicos.

Outra teoria é o uso de armas sônicas. Isso ocorre porque algumas pessoas afetadas em Havana ouviram zumbido antes de experimentar outros sintomas. No entanto, os outros não ouviram nada.

Siga o Feed Curioso no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeiro lugar.

Você também pode gostar:

Vai mais um pouco de curiosidade aí?

Compartilhe nosso conteúdo!

Quantas estrelas ⭐⭐⭐⭐⭐ este artigo merece?

5/5 - (1 vote)