Gim: você conhece a história dessa bebida tão amada?


Gim

Selecionamos um conteúdo especial “Gim: você conhece a história dessa bebida tão amada?” exclusivamente para você leitor que, a princípio, possa absorver bastante conhecimento e inspirar curiosidades relevantes.

O Gim é uma dessas bebidas que vão e voltam, mas estão sempre nos cardápios de todos os bares. Seja mais amargo ou docinho, ele agrada a todos pela sua versatilidade, e as novas marcas e formas de preparo foram as responsáveis pela volta do Gim ao topo!

Mas você sabe de onde veio e qual a história da bebida? Então senta aí que vamos te contar!

De onde veio o Gim?

Para começo de conversa, o Gim veio da Holanda, no final do século XVII. O mais curioso é que o responsável pela criação da bebida foi um médico, Franciscus de le Boë, que misturou uma substância chamada zimbro com frutas e cereais destilados, para fins diuréticos.

Mas por ser gostoso, o medicamento saiu dos receituários e foi parar em cardápios de bares.

Os ingleses, então, levaram a bebida para o seu país, e lá ela fez fama. Seu nome vem da planta medicinal ginepro. Hoje, a Itália é a maior produtora de Gim do mundo. Por isso a ideia de que a bebida fora criada por lá.

Ingredientes do Gim

O Gim é produzido a partir da destilação de cereais como trigo, cevada e milho, e parte do sabor que sentimos nele vem de ingredientes inseridos em um processo de “redestilação”, onde são adicionados água e o resto dos elementos, os botânicos.

Esses botânicos podem ser ervas, flores, plantas, sementes e especiarias em geral, dando equilíbrio ao sabor da bebida.

Mas para que ele seja Gim, de fato, o sabor mais forte deve ser o de zimbro, uma planta que por aqui conhecemos como cedro. Seus frutos são muito ricos em óleos e vitamina C.

Uma bebida rigorosa em sua definição

Para que uma bebida seja considerada Gim, ela precisa conter ao menos 37,5% de álcool puro em seu volume. Tá achando que é qualquer um que pode ser Gim? Tem os aficionados tradicionais e os “progressistas”. Esses, por sua vez, são a favor de regras menos rigorosas, pregando uma evolução no preparo da bebida.

Hoje, temos gins aromatizados, enlatados, licores e diversos derivados da bebida.

Siga o Feed Curioso no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeiro lugar.

Você também pode gostar:

Vai mais um pouco de curiosidade aí?

Compartilhe nosso conteúdo!

Quantas estrelas ⭐⭐⭐⭐⭐ este artigo merece?

5/5 - (1 vote)