Como introduzir mais um gato no lar


Como introduzir mais um gato no lar

Neste artigo veja Como introduzir mais um gato no lar.

Preparamos esse conteúdo principalmente para você que, desde já, do mesmo modo se inspire e absorva mais um pouco de sabedoria.

Primeiramente, não há nada melhor do que trazer outro bichinho para nossa casa, não é?

E, com todas essas alegrias, o que mais queremos é nos adaptarmos corretamente para que os novos integrantes se sintam em casa, e os demais moradores se sintam à vontade e felizes com a chegada dos novos integrantes.

Sobretudo, a seguir darei algumas dicas para tornar a chegada de todos mais tranquila e feliz.

Vamos lá?

Em primeiro lugar, devemos ter certeza de que o novo gato, seja um gatinho ou um gatinho, se sente bem na nova casa.

Quando for buscá-lo, se for um cachorrinho, peça um pano com o cheiro da mãe ou do novo amigo para que ele se sinta bem-vindo e confortável no primeiro estágio.

Coloque este pano em uma caixa de transporte, em seguida coloque-o na caixa e leve para casa.

Neste momento, bem como escolha apenas um cômodo da casa para receber a chegada do novo gato.

Apenas coloque água, ração e caixa de areia neste local até que ele se sinta seguro e perceba que este é seu novo lar.

Em outras palavras, não o deixe ficar muito tempo sozinho no ambiente.

Tente interagir, contudp brincar e demonstrar amor pela sua família.

Não deixe outro gato entrar em contato com o novo gato por enquanto para evitar sentimentos de ciúme, medo e insegurança.

Uma boa adaptação é essencial para que não haja problemas de comportamento no futuro.

Pois bem, depois da primeira fase, o novo gato conseguiu alimentar, brincar e fazer as necessidades no novo local, é hora de mostrá-lo aos outros bichinhos.

Coloque o novo gato na caixa de transporte e coloque o outro gato no mesmo ambiente.

Coloque o gatinho na caixa de transporte e deixe o outro cheirá-lo para que se conheçam.

Como-introduzir-mais-um-gato-no-lar-2

Nesse momento, acho muito importante dar recompensas para que a associação seja sempre positiva.

Um petisco bem gostoso é imprescindível para o gatinho e o gato mais velho da família.

Sempre que eles se aproximarem, recompense-os por se aproximarem.

Não há um tempo fixo para essa fase de adaptação, porque se tivermos ânsia de sucesso, corremos o risco de lutar, que é exatamente o que não queremos.

Seja paciente neste ponto, ok?

Se algum animal for agressivo durante esta etapa, borrife água no agressor para interromper esse comportamento.

Após esse período de tempo, quando os dois bichinhos já se acostumaram com a presença e o cheiro um do outro, é hora de liberar um novo gatinho.

Uma boa sugestão é manter sempre a caixa de transporte perto dele para que se sinta seguro.

Deixar brinquedos utilizáveis ​​neste novo ambiente (eles gostam de caixas de papelão) facilita a interação e ajuda muito.

Não se esqueça de ser muito paciente neste ponto.

Os novos gatos ainda acham que o novo ambiente é um pouco estranho e precisam ficar quietos para se adaptarem a tantas coisas novas.

Espero ser útil com essas dicas! Vamos para o próximo artigo.

Você também pode gostar:

>>> Cachorro agressivo: é possível reverter?

>>> Qual é a primeira coisa que você vê nesta foto? Sua resposta mostra como você se prepara para o futuro

>>> 7 segredos que você não conhecia sobre macarrão instantâneo

>>> 3 dicas incríveis para resfriar cerveja em minutos

>>> Veja se consegue adivinhar, o gato está subindo ou descendo as escadas?

Fonte: www.petz.com.br

Vai mais um pouco de curiosidade aí?

Compartilhe nosso conteúdo!

Quantas estrelas ⭐⭐⭐⭐⭐ este artigo merece?