Caloi relança Mobylette com motor elétrico, custando mais de 9.000 reais


Caloi relança Mobylette com motor elétrico, custando mais de 9.000 reais

Selecionamos um conteúdo especial “Caloi relança Mobylette com motor elétrico, custando mais de 9.000 reais” exclusivamente para você leitor que, a princípio, possa absorver bastante conhecimento e inspirar curiosidades relevantes.

Primeiramente, 47 anos após seu primeiro lançamento em 1975, o Mobylette da Caloi ganha uma nova versão para 2022. Agora sobretudo, a parte atualizada é elétrica, com autonomia de 30 km e velocidade de até 25 km/h, informa o site oficial da empresa. Além disso, preços nada nostálgicos, acima de 9.000 reais.

No entanto, a nostalgia não é o único apelo comercial da marca. Economia e sustentabilidade são os “carro-chefes” da divulgação de informações. De acordo com o anúncio, o motor tem potência de 350W e pode ser acionado com um acelerador ou pedalada.

Bem como, as vendas são feitas por meio de páginas da marca no Mercado Livre. Assim também, a altura recomendada para utilização deste modelo é de 1,65 m, podendo suportar até 100 kg, adequado para uso urbano e terrenos levemente irregulares.

Confira agora todas as descrições da nova Mobylette da Caloi:

  • Freio hidráulico com sensor
  • Retrovisor: Para não perder nada de vista e garantir maior segurança
  • Buzina e farol: Para tornar o tráfego mais seguro e iluminado
  • Pedal Assistido: O motor é acionado com o movimento da pedalada
  • Ciclocomputador: para monitorar todas as pedaladas, com três modos de assistência
  • Acelerador: Para rolar sem muito esforço
  • Motor de Cubo: Motor sem escovas, de baixa manutenção, leve e discreto. Potência de 350 W
  • Bateria de íons de lítio: células Samsung
  • Bagageiro: capacidade máxima 5 kg
  • Motor elétrico de até 25 km/h
  • Autonomia de 30 km por carga
  • 3 níveis de pedal assistido (Eco, Mid e High)
  • Construção leve e resistente com peças em aço e alumínio
  • Quadro de alumínio
  • Quadro Rebaixado
  • Garfo Rígido de Aço
  • Pneus VEE Ruber 20 x 40
  • Paralamas

“Parece que ela foi embora por um tempo, mas na verdade ela sempre esteve entre nós. Fique ligado pois aquilo que era bom ficou ainda melhor”

Disse a Caloi em um publicação compartilhada no Instagram nesta quarta-feira (16/3).

Por fim, vale lembrar que o artigo 57 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) exige que os ciclomotores circulem pelo lado direito da via e sejam proibidos de circular em vias rápidas e calçadas.

Siga o Feed Curioso no Google Notícias e receba as principais notícias do dia em primeiro lugar.

Você também pode gostar:

Vai mais um pouco de curiosidade aí?

Compartilhe nosso conteúdo!

Quantas estrelas ⭐⭐⭐⭐⭐ este artigo merece?

5/5 - (1 vote)